Montador de matéria jornalística para PageMaker ou Scribus

Embora o PageMaker esteja superado, muita gente ainda usa-o e continuará usando-o por alguns anos. Por exemplo, o curso de Jornalismo da UFSM em Frederico Westphalen trabalha com PageMaker ao lado do Scribus, programa mais atualizado e em software livre .

Para facilitar o trabalho dos alunos, criei scripts para automatizar a montagem de matéria jornalística (story) em jornais e revistas.

O arquivo executável abaixo instala os scripts e um novo engine de scripts do PageMaker nunca distribuído oficialmente, criado pelo funcionário da Adobe desenvolvedor desta parte do sistema. Além disto, também instala a documentação da linguagem script. Aviso legal: Não ofereço nenhuma garantia. Use-o por sua conta e risco.

Scripts PageMaker (2.1 MB, arquivo 7Z).

Os scripts são instalados por default na pasta c:\Arquivos de programas\Adobe\PageMaker 7.0\RSRC\BRASIL\PLUGINS\Roteiros\Diagramação\. Assim, aparecem na paleta de Roteiros do PageMaker (Menu “Janela > Recursos adicionais > Exibir roteiros”, ou ALT+J, R, R). Os meus scripts ficam na pasta “Diagramação”, que não existe na instalação original do PM.

Os scriptsCria folha de estilos” e “Cria folha de estilos CN” criam estilos básicos para diagramação de jornais e revistas. O segundo é especial para o jornal-laboratório Curso da Notícia, da UFSM.

Os scriptsMonta foto solta” e “Monta foto em quadro” adicionam legenda e crédito a fotos colocadas soltas ou em quadros, respectivamente. Selecione a foto ou o quadro e rode o script. Preencha os textos e clique OK. A foto, a legenda e os créditos ficam agrupados e com o “afastador de texto” ligado nos lados e embaixo do grupo. O crédito fica à direita, em 90 graus.

Mas o melhor vem agora: o scriptMonta matéria NG” (New Generation) monta uma matéria jornalística completa, com texto formatado. Funciona assim:

  1. Copio um texto de um editor de texto ou copio um bloco de texto do PageMaker.
  2. Desenho um quadro de texto. (Não confunda quadro de texto com bloco de texto. Não uso blocos de texto solto para diagramar jornais no PageMaker, pois é uma abordagem superada e perigosa). Veja abaixo o quadro selecionado e, na página ao lado, o bloco de texto copiado e esperando na memória clipboard do Windows. Repare também que a folha de estilos para jornal está bem completa.
  3. Rodo o script clicando duas vezes em cima do nome dele. Surgirá a seguinte janela de diálogo:

    Nela, eu escolho os estilos a serem aplicados em até sete primeiros parágrafos do texto na memória (O script automaticamente limpa o texto, tirando parágrafos vazios e tabulações. Portanto, não me preocupo se há parágrafos extra no texto). Se eu não quero que um estilo seja aplicado (por exemplo, se a matéria não tem antetítulo), eu desmarco a checkbox ao lado do estilo. No segundo e terceiro parágrafos (título e subtítulo), eu devo escolher quantas linhas de texto os elementos vão ocupar. Depois dos estilos, determino em quantas colunas o texto da matéria será dividido, e se quero linhas guia em volta desta matéria, para ajudar a posicionar outras matérias.
  4. Depois de alguns segundos limpando o texto, o script monta um quadro de texto para os títulos da matéria e um quadro de texto para cada coluna da matéria:
  5. Os quadros das colunas são agrupados para que eu possa ajustar em bloco sua altura (o bloco do título não é agrupado para que sua altura não seja distorcida). Como todos os quadros de texto estão ligados, o texto passa de uma coluna para outra. Veja como fica a matéria quando eu levanto a alça inferior do grupo:

    Este efeito só funciona quando se usam quadros de texto, não blocos de texto.
  6. Para editar o texto, seleciono o quadro do título e uso CTRL+E.

Para Scribus, desenvolvi um script bem mais poderoso, cuja tela de diálogo se vê abaixo:

Baixe o Monta materia (2013-09-18a), des-zipe e tire a extensão “.txt” do arquivos. Deixe apenas “Monta materia (2013-09-18a).py”. Coloque na pasta de scripts do Scribus.

Com este script, pode-se escolher entre reformatar o quadro (no caso de ser a primeira vez que é aplicado) ou apenas aplicar os estilos (no caso em que os quadros de título e de colunas de texto já foram criados).

Bibliografia

  1.  SAMARSKIY, Vladimir. Site pessoal do criador do script engine do PageMaker. Site web disponível em: <http://www.oz.net/~vsamarsk/WinEntry.htm>. Acesso em: 2 nov. 2011.
  2. Adobe PageMaker 7.0 Script Guide. Documento em PDF disponível no CD-ROM da aplicação. San Jose, California: Adobe Systems Incorporated, 2001.

Sobre José Antonio Meira da Rocha

Jornalista, professor de Planejamento Gráfico e Mídias Digitais da Universidade Federal de Santa Maria, campus da cidade de Frederico Westphalen, Rio Grande do Sul, Brasil. Doutorando em Design na UFRGS, Porto Alegre, Brasil, 2014.